Atenção leitores

ESTAMOS TRABALHANDO PARA MELHORAR O BLOG - Algumas janelas ainda não estão prontas - Desculpe o transtorno,
Não trabalhamos com venda de plantas e não enviamos sementes.

FEEDBACK - Agradecemos o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que temos escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

COMENTÁRIOS - Tentamos responder os comentários na medida do possível, infelizmente não estamos conseguindo atender a todos. Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

LÉIA-VERDE - ( Leea coccinea )

16:39 3 Comments A+ a-


Arbusto semi-herbáceo, entouceirado de folhagem ornamental.
Leea coccinea
NOME CIENTÍFICO: Leea coccinea.

NOME POPULAR: Leia, Leia-verde, Leia-alaranjada.

 FAMÍLIA: Vitaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: Burma.

PORTE:  De 2,0 a 2,5 metros de altura.

FOLHAS: Bastante ornamental, são compostas, divididas em folíolos verde-brilhantes, alongados com marges onduladas.
Leea Coccinea - Deatalhe da Folha
FLORES: Inflorescências vermelhas, com inúmeros botões, geralmente escondidos entre as folhagens, formadas na primavera-verão, de pouca importância como fator ornamental.
Leea Coccinea - Deatalhe da Flor
LUMINOSIDADE: Pode ser cultivada a pleno sol ou meia-sombra.

ÁGUA: Se estiver em vaso mantenha sempre úmido, sem secar nem encharcar.

CLIMA: Sensível a geadas.

PODA: Não suporta podas radicais, mais pode ser realizada podas leves.

UTILIZAÇÃO:  Fica bem em vasos, de forma isolada ou em conjuntos, renques ao longo de paredes, muros e cercas.

PROPAGAÇÃO: Por meio de sementes, por divisão de touceiras, retiradas após
florescimento e por estacas.

PREÇO: R$ 25,50 era o preço praticao em Holambra / SP por uma vaso tamanho (P-27).

Leea Coccinea
 

3 comentários

Write comentários
Anônimo
AUTHOR
25 de abril de 2014 11:57 delete

Bom dia, Mário! Me ajude por favor, fiz uma cerca viva de léia verde, ficou muito bonita, as plantas estão muito verdes e brilhantes, porém a pouco mais de uma mês algumas mudas começaram a morrer , o primeiro sintoma é o murchamento de algumas folhas que caem espontaneamente ou apenas com um leve toque , em seguida os brotos jovens secam e tornan - se pretos como queimados destacam - se do caule e caem, outro sintoma é que as folhas tornan - se amarelas num tom bronzeado e ficam crespas,depois de constatado a morte da muda retirei do solo e percebi que a raiz estava preta, assim como ocorreu com os brotos, e que um pouco esbranquiçada como se fosse um fungo e xoxa também, suspeitei de alguma praga mais tb da acidez do solo já que ao lado da referida cerca foi cavada uma cisterna e a terra retirada, conhecida como "piçarra" foi jogada junto ao canteiro. Para ajudá-lo no diagnóstico estou no estado de Minas Gerais em Sete lagoas clima quente e de região cerrado. por favor me ajude se possível no diagnóstico e em uma sugestão de controle.Se necessário for posso enviar - te fotos do ocorrido.

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
18 de outubro de 2014 12:20 delete

Tambem plantei leea verde. ha 4 meses. Varias mudas brotaram. Agora as folhas vao murchando e amarelando. Observei q o caule vai ficando preto de baixo p cima e a planta morre. Qual sera o problema?

Reply
avatar
22 de setembro de 2015 09:50 delete

Ela é toxica para animais domésticos? Por favor respondam pelo meu email helainea.souza@yahoo.com.br. Meu gatinho. Acho que comeu uma folha. Obrigada.

Reply
avatar