Atenção leitores

ESTAMOS TRABALHANDO PARA MELHORAR O BLOG - Algumas janelas ainda não estão prontas - Desculpe o transtorno,
Não trabalhamos com venda de plantas e não enviamos sementes.

FEEDBACK - Agradecemos o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que temos escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

COMENTÁRIOS - Tentamos responder os comentários na medida do possível, infelizmente não estamos conseguindo atender a todos. Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

CAJÁ-MIRIM - ( Spondias mombin )

18:36 0 Comments A+ a-

Clique para ampliar
Spondias mombin
NOME CIENTÍFICO: Spondias mombin.

NOME POPULAR: Cajá-mirim, cajá, taperabá, taperibá, cajá-pequeno, acaiba, acajaíba, cajazeiro, cajazeira, imbuzeiro

SINONÍMIA: Spondias lútea, Spondias brasiliensis, Spondias aurantiaca, Spondias myrobalanus.

FAMÍLIA: Anacardiaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: América Tropical.

PORTE: Até 25 metros de altura.

FOLHAS: Compostas, pinadas, com uma variação de 5 a 11 pares de folíolos. opostos.

FLORES: As inflorescências em cachos, despontam na extremidade dos ramos, as flores são pequenas e de coloração branca e bastante melíferas.

FRUTOS: Suculentos, de coloração amarela quando maduros, azedo, bastante utilizado na região norte e nordeste do Brasil.
Clique para ampliar
Detalhe do fruto
 TRONCO: Possui casca rugosa, é curto, de 40 a 60 cm de diâmetro e sua madeira exposta ao tempo tem durabilidade média.

LUMINOSIDADE: Sol pleno.

ÁGUA: Prefere solo ligeiramente úmido, mas nunca encharcado, regar moderadamente de 1 a 2 vezes por semana principalmente quando a planta for jovem, depois de adulta pode ser regada no caso de estiagens.

CLIMA: Quente e úmido.

PODA: De formação, quando a planta atingir 60 cm de altura, deve ser eliminado o broto terminal, a partir daí, de tempo em tempo corte os ramos com crescimento vertical, com isso ficará mais fácil para cuidar da planta e colher os frutos.

CULTIVO: Prefere solo areno-argiloso, profundos e com boa drenagem.

FERTILIZAÇÃO: Por ocasião do plantio da muda, para uma cova de 40 x40 cm, misture bem na terra retirada cerca de 20 a 30 litros de esterco de gado bem curtido ou composto orgânico.

UTILIZAÇÃO: Seus frutos são bastante apreciados para ser consumidos in natura, em refresco, sorvetes, etc. Na deve faltar no pomar de quem tem propriedades com o clima propício para cultivo.


Clique para ampliar
Destaque no pomar
PROPAGAÇÃO: Por estaquia e sementes.

PLANTA MEDICINAL: Tem propriedades medicinais, suas folhas têm propriedades antiviróticas, sendo utilizadas contra o vírus do herpes.