Atenção leitores

ESTAMOS TRABALHANDO PARA MELHORAR O BLOG - Algumas janelas ainda não estão prontas - Desculpe o transtorno,
Não trabalhamos com venda de plantas e não enviamos sementes.

FEEDBACK - Agradecemos o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que temos escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

COMENTÁRIOS - Tentamos responder os comentários na medida do possível, infelizmente não estamos conseguindo atender a todos. Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

CARVALHO-INGLÊS - ( Quercus robur )

18:23 0 Comments A+ a-


Clique para ampliar
Quercus robur
NOME CIENTÍFICO: Quercus robur.

Nota: O nome  derivado do latim significa: quercus = carvalho + robur = robusta, madeira dura.

NOME POPULAR: Carvalho-inglês, carvalho-vermelho, english-oak.

Nota: Não é fácil identificar as diversas espécies, pois existem muitos cultivares e híbridos desta maravilhosa árvore.

SINONÍMIA: Quercus borealis.

FAMÍLIA: Fagaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: Hemisfério Norte.

PORTE: Em média  25 a 40 metros de altura.

Nota: O cultivar Quercus robus ‘Fastigiata’, uma das mais cultivadas, tem de 10 a 15 metros de altura.

FOLHAS: Perdem suas folhas no inverno, mas antes de caírem, mudam de cor ficando vermelhas, escarlates ou amarelas, proporcionando um efeito visual maravilhoso. Suas folhas variam no tamanho e formato conforme cultivar.
Clique para ampliar
Detalhe das folhas
Clique para ampliar
Macro da folha
FLORES: Inflorescências em cachos pendentes, as flores são pequenas de coloração verde / marrom-clara.

FRUTOS: São conhecidos como “bolotas”, estão sustentados por pedúnculo de 3 a 7cm, contendo 1 a 4 frutos. Amadurecem no outono seguinte (geralmente mais de 1 ano após a polinização) e medem de 2 a 2,5 cm.

TRONCO: De coloração castanho-cinza, seu trono e ramos são bem grossos e sólidos, sua casca tem fissuras profundas. Sua madeira de grande qualidade é utilizada na fabricação de móveis e também nos  conhecidos tonéis, para armazenar vinho.

LUMINOSIDADE: Sol pleno.

ÁGUA: Prefere solo ligeiramente úmido, mas não encharcado, enquanto jovem regar moderadamente 2 vezes por semana, quando a planta atingir sua fase adulta só regar no caso de estiagens muito prolongadas.

CLIMA: Temperado e frio.

PODA: Deve ser feita de formação retirando brotos laterais, secos e mal formados, a época certa é durante o inverno ou no começo da primavera

CULTIVO: Aprecia solos ácidos, argilosos, mas aceita outros tipos de solo, seu crescimento é bem rápido.

FERTILIZAÇÃO: Por ocasião do plantio, para uma cova de 40 x 40 cm, misture bem na terra retirada cerca de 10 colheres de sopa de NPK, fórmula 10-10-10.

UTILIZAÇÃO: Praticamente em todos países do mundo com clima temperado a frio é cultivado como árvore ornamental, sendo encontrada em parques e jardins.

Nota: Muitos insetos, mamíferos e aves se alimentam de suas folhas e bolotas, sendo considerada uma das árvores que suporta maior biodiversidade em relação as demais.

PROPAGAÇÃO: Por sementes

Fotos desta postagem: Fotografei no Viveiro de Mudas CIPREST.