Atenção leitores

ESTAMOS TRABALHANDO PARA MELHORAR O BLOG - Algumas janelas ainda não estão prontas - Desculpe o transtorno,
Não trabalhamos com venda de plantas e não enviamos sementes.

FEEDBACK - Agradecemos o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que temos escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

COMENTÁRIOS - Tentamos responder os comentários na medida do possível, infelizmente não estamos conseguindo atender a todos. Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

PALMEIRA-TALIPOT - ( Corypha umbraculifera L.)

19:44 2 Comments A+ a-

NOME CIENTÍFICO: Corypha umbraculifera L.


NOME POPULAR: Palmeira-talipot, palma-talipot, talipot.



FAMÍLIA: Araceae.



CICLO DE VIDA: Perene.



ORIGEM: Sul da Índia (Malabar Coast) e Sri Lanka.



PORTE: Chega atingir 30 metros de altura.



FOLHAS: Em forma de leque, de grande tamanho. Os restos secos dos pecíolos permanecem pendurados no tronco.


PALMEIRA-TALIPOT - ( Corypha umbraculifera L.) - Detalhe das folhas

FLORES: Maior florada no reino vegetal, é monocárpico, ou seja, produz flor e frutos apenas uma vez em sua vida, o que acontece entre 40 a 80 anos. A inflorescência é composta por aproximadamente de 1 milhão de microflores de coloração creme, que se formam por uma haste bastante ramificada, de mais de 5 metros de altura, na parte superior do tronco.


 Florada apenas uma vez na vida

Nota: A variação do tempo para florada se deve ao local e clima onde está plantada, se ela estiver em área aberta, com grande exposição à luz do sol o processo é acelerado, mas se estiver no meio de florestas densas, demora mais tempo para encontrar luz necessária a floração. 



FRUTOS: De coloração verde-acastanhados, formato globoso, com 3 a 4 cm de diâmetro, demoram cerca de 1 ano para ficarem maduros



Nota: Depois que os frutos amadurecem, a planta começa a morrer.



TRONCO: Com cerca de até 70 cm de diâmetro, é bastante espesso e recoberto pela base volumosas das folhas caídas.


PALMEIRA-TALIPOT - ( Corypha umbraculifera L.) - Demora alguns anos para formar o tronco

LUMINOSIDADE: Sol pleno.



ÁGUA: Aprecia solo úmido, mas não encharcado.


CLIMA: Tropical úmido, não tolera frio.



PODA: Não necessária, para efeito estético podem ser cortadas folhas secas.



CULTIVO: Planta de crescimento lento, seu tronco começa a se formar depois de alguns anos, prefere solo rico em matéria orgânica que tenha boa drenagem.



FERTILIZAÇÃO: Por ocasião do plantio da muda, para uma cova de 40 x 40 cm, misturar cerca de 10 colheres de sopa de NPK, fórmula 10-10-10.



UTILIZAÇÃO: De efeito ornamental espetacular, chama atenção devido ao tamanho de suas folhas, sendo indicada para grandes espaços.

PALMEIRA-TALIPOT - ( Corypha umbraculifera L.)
PROPAGAÇÃO: Por sementes, que devem ser semeadas logo que comecem a cair, pois com o passar do tempo, a taxa de germinação diminui.



FOTOS DESTA POSTAGEM: Fotografei no Jardim Botânico Plantarum, onde ela pode ser vista em detalhes, endereço no lado direito do Blog. A foto da florada é de autoria de Selmy Yassuda.

2 comentários

Write comentários
17 de fevereiro de 2014 09:18 delete

Maravilhosa!!...eu já vi aqui no Rio de Janeiro...próximo ao Aeroporto Santos Dumont. Será que eu vi a única florada ??

Reply
avatar
Celeste
AUTHOR
7 de fevereiro de 2017 20:15 delete

Moro em São José do Rio Preto e temos uma no quintal que é bastante pequeno. Nos últimos tempos percebo que está levemente torta. Como o espaço é pequeno temos medo que venha a cair em cima de casas. Você teria como esclarecer se existe possibilidade digo, é fácil isto acontecer na categoria dela ? Favor responder para o email t.jcyra@yahoo.com.br.

Reply
avatar