Atenção leitores

ESTAMOS TRABALHANDO PARA MELHORAR O BLOG - Algumas janelas ainda não estão prontas - Desculpe o transtorno,
Não trabalhamos com venda de plantas e não enviamos sementes.

FEEDBACK - Agradecemos o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que temos escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

COMENTÁRIOS - Tentamos responder os comentários na medida do possível, infelizmente não estamos conseguindo atender a todos. Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

LICURI - ( Syagrus coronata )

07:07 1 Comments A+ a-


O ouro verde do semi-árido
 Clique para ampliar
Syagrus coronata
NOME CIENTÍFICO: Syagrus coronata.

NOME POPULAR: Licuri, licurizeiro, alicuri, aricuí, aricuri, ouricuri, oricuri, dicori, dicuri, uricuri,uricuriba, urucuri, coqueiro-cabeçudo, Palm licuri.

Nota: Durante a seca prolongada, quando a maioria das plantas perdem suas folhas ou até morrem, esta palmeira resiste, com isso o gado come as folhas das palmeiras jovens, matando a planta e aumentando o risco de extinção dela e da fauna que se alimenta de seus frutos.

SINONÍMIA: Cocos coronata, Syagrus quinquefaria, Syagrus treubiana,

FAMÍLIA: Arecaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: Região nordeste do Brasil e norte do estado de Minas Gerais.

PORTE: Até 10 metros de altura.

FOLHAS: Pinadas, em 5 fileiras, em média com 3 metros de comprimento, a disposição de suas folhas lembram uma coroa, daí origem de seu nome científico, tem folíolos de coloração verde-escura.

FLORES: Apresenta inflorescência bastante vistosa, protegida por uma bráctea (espata) lenhosa, conhecida como cimba, que chega a ter até 1 metro de comprimento. Tem flores masculinas e femininas na mesma planta, as flores masculinas são longas e coriaceas com seis estames e as femininas são mais curtas.

 Clique para ampliar
Syagrus coronata - Detalhe da inflorescência
 Clique para ampliar
Syagrus coronata - Detalhe das flores
 FRUTOS: Produz cachos com uma grande quantidade de frutos, enquanto verde possui endosperma fluido que depois de seco dá origem a amêndoa que tem coloração que varia do amarelo-claro ao laranja. São base alimentar de muitas aves.

 Clique para ampliar
Syagrus coronata - Detalhe dos frutos
TRONCO: Simples, com 20 a 25 cm de diâmetro.

LUMINOSIDADE: Sol pleno.

ÁGUA: Solo ligeiramente úmido, regar moderadamente 1 vez por semana.

CLIMA: Quente e seco. São tolerantes a temperaturas mais baixas.

PODA: Não necessária.

CULTIVO: De crescimento lento, são bastante rústicas, não é exigente em relação ao solo, consegue sobreviver à escassez e a má distribuição das chuvas na região semi-árida.

FERTILIZAÇÃO: Por ocasião do plantio incorpore no solo retirado de uma cova de tamanho 40 X 40 cm cerca de 20 a 30 litros de esterco de gado bem curtido ou composto orgânico.

UTILIZAÇÃO: Seus frutos são comestíveis, são consumidos in natura, na fabricação de cocadas, licores e o leite de licuri é muito utilizado na culinária baiana, da semente é extraído óleo vegetal e suas folhas são usadas no artesanato, para confecção de chapéus, sacolas, vassouras e cobertura de casebres.

PROPAGAÇÃO: Por sementes, que devem ser semeadas após a coleta.

PLANTA MEDICINAL: Ainda sem comprovação científica, a água do coco verde é usada como colírio natural.

FOTOS DESTA POSTAGEM: Fotografei no Jardim Botânico Plantarum, onde esta e outras plantas maravilhosas podem ser vistas.O endereço do local está na margem direita do blog, é só clicar.

1 comentários:

Write comentários
26 de janeiro de 2017 00:37 delete

Quando se trata de plantio de mudas de coco, a Embrapa diz que devemos utilizar cerca de 1 kg de Super fosfato, na cova.Não seria útil, esse adubo, no caso do Ouricuri também?

Reply
avatar