Atenção leitores

ESTAMOS TRABALHANDO PARA MELHORAR O BLOG - Algumas janelas ainda não estão prontas - Desculpe o transtorno,
Não trabalhamos com venda de plantas e não enviamos sementes.

FEEDBACK - Agradecemos o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que temos escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

COMENTÁRIOS - Tentamos responder os comentários na medida do possível, infelizmente não estamos conseguindo atender a todos. Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

PTERIS

07:55 0 Comments A+ a-


Pteris
NOME CIENTÍFICO: Pteris cretica.

Nota: Existem diversas variedades hortícolas desta samambaia, tais como:
Pteris cretica ‘Albo-lineata’, (Samambaia-prata)
Pteris  cretica ‘Mayii, (Pteris-estrela)

NOME POPULAR: Pteris.

FAMÍLIA: Pteridaceae.

CICLO DE VIDA: Perene.

ORIGEM: América Tropical.

PORTE: De 25 a 30 cm de altura.

FOLHAS: Sua folhagem é bastante ornamental, bonita e delicada. Os folíolos têm formato de lança, com bordas lisas, dentadas ou onduladas, a “Albo-lineata” tem uma faixa central prateada.

Pteris - Detalhe da folha
LUMINOSIDADE: Meia-sombra ou sombra.

Nota: Não suporta luz direta do sol nas horas mais quentes do dia. Se for cultivada na sombra precisa de bastante claridade.

ÁGUA: Aprecia substrato úmido, mas não encharcado, regar de forma moderada de 2 a 3 vezes por semana, com maior volume nos dias mais quentes e menos nos dias mais frios.

CLIMA: Quente e úmido. Não tolera frio intenso

PODA: Apenas retirada de folhas secas. Se a planta se expandir mais que o desejado, retire o excesso, preparando novas mudas.

CULTIVO: Prepare o substrato contendo 2 partes de composto orgânico (se tiver pedacinhos de gravetos e folhas semi-decompostas é melhor), 1 parte de terra comum de jardim e 1 parte de areia grossa de construção. Para cada 3 litros desta mistura acrescente 2 colheres de sopa de farinha de osso e 1 colher de carvão vegetal triturado.

FERTILIZAÇÃO: Não adube a planta nos primeiros 6 meses após o plantio, depois aplique a cada 6 meses fertilizante para plantas de interior (que é facilmente encontrado em gardens e supermercados). Use a metade da quantidade descrita na embalagem. Não coloque junto ao caule.

UTILIZAÇÃO: Fica maravilhosa em vasos e canteiros, de forma isolada ou fazendo composição com outras plantas.

PROPAGAÇÃO: É feita de forma fácil, pela divisão da planta, a touceira deve ser separada com cuidado, deixando sempre raízes nas novas mudas.

PREÇO: Em Holambra / SP, o vaso tamanho P15, estava sendo comercializado por R$1,60.

FOTOS DESTA POSTAGEM: Fotografei em Holambra/SP na Casa Bela.