Atenção leitores

ESTAMOS TRABALHANDO PARA MELHORAR O BLOG - Algumas janelas ainda não estão prontas - Desculpe o transtorno,
Não trabalhamos com venda de plantas e não enviamos sementes.

FEEDBACK - Agradecemos o recebimento de quem tem informações adicionais sobre as plantas postadas neste blog, especialmente se não concordarem com o que temos escrito ou se têm dicas culturais adicionais, pois isso certamente ajudaria a todos.

COMENTÁRIOS - Tentamos responder os comentários na medida do possível, infelizmente não estamos conseguindo atender a todos. Os comentários passam por moderação e não são publicados de imediato, não serão aceitos comerciais.

SABUGUEIRO - ( Sambucus nigra )

11:31 0 Comments A+ a-

SABUGUEIRO - ( Sambucus nigra )

NOME CIENTÍFICO: Sambucus nigra.



Nota: “Sambucus” deriva da palavra grega “sambuca” que é nome de um antigo instrumento musical , feito com a madeira desta planta e “nigra” vem do latim que significa “preto” referente a cor de seus frutos maduros.


NOME POPULAR: Sabugueiro.



Nota: Em todo mundo recebeu dezenas de nomes populares, eis apenas alguns: sabugueirinho, castellano, canillero, saúco, sauquer, saüquera, sabú, sauco, sabuqueiro, sagú, corteza, etc.


SINONÍMIA: Sambucus ebulos, Sambucus australis.



FAMÍLIA: Adoxaceae (Caprifoliaceae na classificação anterior).



CICLO DE VIDA: Perene.



ORIGEM: Nativa da Europa e do norte da África, mas é vista pelo mundo inteiro.



PORTE: Normalmente tem de 2 a 5 metros de altura, mas em condições muito favoráveis pode atingir até 10 metros. 

SABUGUEIRO - ( Sambucus nigra ) - Detalhe da folha com 7 folíolos.

FOLHAS: Caducas, compostas, com 10 a 30 cm de comprimento, pinadas,em pares opostos, com 5 a 7 folíolos (raramente com 9), cada folíolo mede 5-12cm de comprimento e 3-5 cm de largura, tem formato elíptico, com ápice agudo e base atenuada, sua borda é serrilhada, tem um pouco de brilho e cheiro desagradável.

SABUGUEIRO - ( Sambucus nigra ) - Detalhe da inflorescência composta por muitas flores


FLORES: Inflorescências de 10-25cm de diâmetro, contendo de 300 a 500 pequenas flores com 5-6cm de diâmetro, de coloração branca cremosas, com 5 pétalas, tem perfume bastante agradável. Tem cinco lobos em estrela aberta. É uma planta hermafrodita (Tem androceu e gineceu ao mesmo tempo). Floresce no verão.



FRUTOS: Uma drupa, redondo, de coloração preta-roxa, carnudo, glabro, comestível quando maduro.


SABUGUEIRO - ( Sambucus nigra )


TRONCO: Arbusto com caule de coloração marrom-acinzentado com consistência lenhosa e casca bastante rugosa.



LUMINOSIDADE: Sol pleno.



ÁGUA: Prefere solos ligeiramente úmidos. A rega não deve ser descuidada quando a planta for jovem, regar de forma moderada de 1 a 2 vezes por semana, depois de adulta em caso de estiagem prolongadas.


CLIMA: Gosta de clima temperado, é resistente a geadas, prefere regiões que tenham temperaturas máximas de 25 a 30º C mas também cheguem a mínimas de 4 a 6º C
PODA: Não necessária, quando jovem fazer podas de formação e condução, retirando galhos secos e mal formados.


CULTIVO: Pouco exigente em relação ao tipo de solo



FERTILIZAÇÃO: Por ocasião do plantio, para uma cova de 40 x 40 cm misture na terra retirada cerca de 10 colheres de sopa de NPK, fórmula 10-10-10.



UTILIZAÇÃO: Por terem serem bastante ornamentais, com flores vistosas, frutas e folhas rendadas, são cultivadas em jardins. São atrativos para pássaros, borboletas e outros insetos.



Nota: Os frutos podem ser utilizados na culinária, na preparação de sucos, molhos, sopas, compotas, dar cor rosa e aroma em vinhos. Obs: Tem que estar maduros, pois verdes são tóxicos.



PROPAGAÇÃO: Por sementes e estacas.



PLANTA MEDICINAL: É muito utilizado na medicina popular no tratamento de gripes, resfriados, tosse, sarampo, caxumba, etc.



Nota: O chá feito com folhas de sabugueiro, deve ser administrado com bastante cautela, utilizando a dosagem correta.



PLANTA TÓXICA: Todas as partes da planta são tóxicas, menos os frutos depois de cozinhar.

 

CURIOSIDADES:



- A "varinha das varinhas", no mundo mágico de Harry Potter, que é mega poderosa, que foi usada pelo Dumbledore e depois "roubada" pelo Lord Voldemort, era feita de sabugueiro.

- Dizem que a madeira da cruz onde Cristo morreu foi feita de sabugueiro, porque o fruto espremido tem suco de cor vermelho-sangue, portanto “dá azar” cortar esta planta.

- Inezita Barroso na musica “Lampião de Gás” menciona um sabugueiro em São Paulo – SP.

- No filme “Monty Python – Em Busca do Cálice Sagrado”, o guardião do castelo fala para o Rei Arthur: “sua mãe era um hamster e seu pai cheirava sabugueiro”.

SABUGUEIRO - ( Sambucus nigra )

FOTOS DESTA POSTAGEM: Fotografei no Jardim Botânico de Barcelona.